domingo, 9 de outubro de 2016

EX LATERAL DO FLUMINENSE TRABALHA COMO TAXISTA PARA COMPLETAR RENDA

Campeão carioca pelo Fluminense em 1995, o ex-lateral direito Ronald hoje é taxista no Rio de Janeiro. Mais de duas décadas após o título, porém, ele sonha em retornar ao clube das Laranjeiras para fazer o que sabe de melhor: dar aula de futebol. Enquanto o sonho não se realizada, Ronald completa sua renda como taxista desde junho. Mas é difícil passar despercebido pelas ruas e avenidas cariocas. "Quando entra tricolor no táxi, os caras ficam loucos", conta ele à reportagem estacionado com seu táxi amarelo na Praça Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, na zona sul do Rio. "Os caras tiram fotos, ficam batendo papo a corrida toda. Nas ruas as pessoas me reconhecem direto, foi muito marcante aquele gol do Renato Gaúcho de barriga [que deu o título carioca ao Fluminense em 1995]. Os torcedores do Fluminense reconhecem na hora, entram, ficam olhando e depois falam", explica Ronald. Embora seja taxista há pouco mais de três meses, Ronald já conhece os dilemas da profissão. Perguntado se o novo ofício dá conta de sustentar as despesas, ele reclama da concorrência, mas admite que é o suficiente. "O Uber está acabando com o taxista. O valor deles é muito baixo. Mas aqui na zona sul o pessoal ainda pega taxi, se você estiver na rua rodando direitinho, você consegue faturar, sim. É meu ganha-pão." LEIA MAIS : http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2016/10/09/campeao-pelo-flu-ex-lateral-ronald-vira-taxista-tricolores-ficam-loucos.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário