domingo, 11 de setembro de 2016

CASAL RECUPERA ALIANÇA GRAÇAS AO FACEBOOK PERDIDA HÁ 37 ANOS

Agustín Aliaga perdeu a sua aliança no verão de 1979, quando nadava em Benidorm, escassos cinco meses depois de ter casado com Juani Sánchez. Agora, 37 anos depois, aconteceu algo que parecia impossível: uma instrutora de mergulho reencontrou, com a ajuda do Facebook e das mais de 79 mil pessoas que partilharam a história, o anel, que nos próximos dias será devolvido ao casal. Contada em várias publicações espanholas ao longo dos últimos dias, esta é uma história de amor com um final feliz. A sua protagonista é Jessica Cuesta, que trabalha no centro de mergulho Nisos Benidorm e que encontrou o anel durante uma aula, no início de Agosto, quando estava a cerca de sete metros de profundidade. Assim que percebeu que se tratava de uma aliança, Jessica tentou encontrar o seu dono através do Registo Civil de Benidorm. Mas, como contou a própria ao jornal Heraldo de Aragon, o facto de este ser um importante destino turístico e de o anel ter inscrito apenas um nome próprio (o de Juani) e uma data contribuiram para que a iniciativa não fosse bem sucedida. Foi então que a instrutora de mergulho decidiu recorrer ao Facebook, onde deixou um pedido de ajuda. “Procuro um casal que se casou no dia 17 de fevereiro de 1979 e que tenha visitado a ilha de Benidorm”, escreveu Jessica, que viu esta sua publicação ser partilhada por 76 pessoas. Um mês depois, a instrutora de mergulho fez uma nova tentativa. “Encontrei uma aliança enquanto mergulhava na ilha de Benidorm. Adoraria poder devolvê-la ao seu dono. Perdeu-se há muito, muito tempo, porque estava coberta de sedimentos. É de um casal que se casou no dia 17 de Fevereiro de 1979”, escreveu, terminando com um pedido para que a sua publicação fosse partilhada. E foi. Mais de 79 mil pessoas divulgaram o apelo de Jessica e o dono de aliança acabou mesmo por ser encontrado. “Foi uma grande surpresa que, 37 anos depois, alguém a tenha encontrado”, diz Agustín Aliaga, que tem hoje 60 anos. O espanhol, natural de Saragoça, conta que estava em Benidorm em trabalho quando conheceu Juani, que ali vivia desde sempre. “Conhecemo-nos e casámos”, descreve Agustín, explicando que perdeu a aliança num dia de praia passado com os sogros. “De repente, quando nadava, dei-me conta de que me tinha caído o anel. Procurei-o durante um bom bocado, mas não tive sorte”, acrescenta, citado pelo jornal La Vanguardia. Agustín explica que foi uma sobrinha que vive em Benidorm que viu a publicação no Facebook e o avisou. “Quando a minha mulher disse a Jessica o seu nome, ela pôs-se a gritar de emoção”, descreve. Uma reacção que não é de estranhar: à instrutora de mergulho chegaram mais de 300 mensagens de pessoas que reivindicavam que a aliança era sua. Agora resta esperar que Jessica, que faz questão de se encontrar com Agustín e Juani para lhes devolver o achado, chegue à localidade de Utebo, em Saragoça, onde o casal explora um café. O desfecho desta história de amor dos tempos modernos deve acontecer já na próxima semana. FONTE : PORTAL UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário