domingo, 13 de setembro de 2015

Governo de São Paulo acolhe refugiados em casa de passagem Atendimento é feito na Casa “Terra Nova" que oferece acolhimento para toda rede de políticas públicas

Atualmente, são atendidas pessoas vindas da Síria, Congo, Angola, Bolívia, Camarões, Gana, Guiné e Nigéria. São Paulo é o estado que mais recebe solicitações de refúgio no Brasil, cerca de 26% do total, segundo a Agência da ONU para Refugiados. O equipamento funciona 24 h e tem capacidade para acolher 50 pessoas. As famílias com filhos de até 18 anos têm atendimento prioritário. O local conta com 11 quartos com banheiros internos, área de convivência, refeitório, lavanderia, copa e salas de atendimento individualizado. Além disso, oferece apoio social, psicológico e jurídico, atividades de convivência e ocupacionais, orientação profissional, orientação jurídica, atividades culturais, oficina de idioma (língua portuguesa), auxílio para inclusão produtiva e encaminhamentos a redes de políticas públicas necessárias ao empoderamento e fortalecimento dos usuários e da garantia de seus direitos. A Casa de Passagem "Terra Nova" é gerenciada pela Coordenação Regional das Obras de Promoção Humana (CROPH). O encaminhamento é realizado pelos Centros de Referência Especializados em Assistência Social (CREAS), pela Caritas, Missão Paz e Secretaria de Estado da Justiça e Defesa da Cidadania. Do Portal do Governo do Estado

Nenhum comentário:

Postar um comentário