domingo, 12 de julho de 2015

Internato musical: residência artística reúne 29 músicos em prédio

Das salas de um corredor com paredes descascadas, ouve-se uma profusão confusa de sons. No primeiro cômodo, a cantora Lei Di Dai testa uma música de sua autoria sobre batida do produtor Nave. "Outro dia ele veio me mostrar o som porque achava que combinava. Não parece que foi feito para mim?", diz a compositora de dancehall (estilo em que o DJ canta e produz as próprias batidas). Ela e Nave se conheceram na Red Bull Station, um espaço cultural aberto ao público na praça da Bandeira, 137, região central. Ali, a dupla e outros 27 artistas participam do projeto Pulso, cuja proposta é criar sonoridades originais e pensar em novos horizontes para a música independente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário