quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

GCM ASSASSINADA EM SÃO MIGUEL PAULISTA É SEPULTADA NO CEMITÉRIO DA SAUDADE

O corpo da guarda-civil metropolitana morta na Avenida Nordestina, foi enterrado nesta quinta-feira (29), no Cemitério da Saudade, Zona Leste de São Paulo. O filho de 7 anos viu o momento que o criminoso atingiu Ana Paola Teixeira, de 38 anos, na manhã de quarta-feira (28). O corpo foi velado em uma igreja que a família frequentava e o cortejo foi escoltado pela Guarda Civil, onde ela prestou serviços por 14 anos. Segundo o viúvo José Roberto da Silva, o ladrão também atirou na direção da criança, que ficou ferida. “Eu não sei se foi o disparo que efetuou ali à queima-roupa, mas ele está com a face queimada de pólvora. O olho está roxo. A pálpebra está roxa. Mas, provavelmente, quando ele sai da linha da câmera, ele efetua o disparo, porque estoura o vidro traseiro e o vidro da tampa. Era para acertar meu filho”, disse José Roberto. As câmeras de uma empresa registraram o assassinato. Às 6h35, Ana Paola encostou o carro no estacionamento de uma loja na frente da casa dela. O menino estava no banco de trás do automóvel. A guarda-civil, que estava fardada, esperava o transporte escolar e depois iria trabalhar LEIA MAIS : http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2015/01/gcm-morta-na-frente-do-filho-e-enterrada-na-zona-leste-de-sp.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário