segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Mulher perde 27 quilos e doa parte de fígado para criança com câncer Tatiana descobriu que era a única doadora compatível com uma criança de 4 anos que poderia morrer a qualquer momento. Os dois não se conheciam.

oão tem 4 anos e tudo que aprendeu até hoje foi em casa, com a avó. Fantástico: Onde você quer ir? João: Pra escola. Dona Maria sempre fez o papel de mãe. Para ela, o menino é mais que um filho. “Ah, minha vida. Minha vida é este aqui, ó”, diz ela ao mostrar o neto. Uma das primeiras palavras que João aprendeu a pronunciar foi: “Forte”, ele conta. Forte, o menino precisou ser forte muito cedo. “É um guerreiro, por tudo que passou e ainda está vivo até agora.”, define a avó. João tinha 2 anos quando a família descobriu a doença: um tumor no fígado. “Eu caí dura na cadeira, eu acordei com um senhor me dando um copo d’água. Eu penso que se acontecer alguma coisa com ele eu não vou aguentar”, lembra Dona Maria. A mãe do menino, Juliana Aparecida dos Santos, que vivia longe, voltou para ajudar a cuidar do filho. “Ele veio, eu acho que, na minha vida para me ensinar as coisas”, ela diz. Fantástico acompanha luta desde abril Começava ali uma rotina de hospitais, exames e quimioterapia. Uma luta que o Fantástico acompanha desde abril. “Ele pesava 14 quilos quando descobriram a doença dele. Ele foi para 7 quilos. Perdeu metade”, conta a avó. “A localização, o local do fígado, o cirurgião não consegue tirar completamente.”, explica Juliana Dacorégio, oncologista. A única chance de salvar a vida de João era um transplante de fígado. “Ele pode morrer de uma hora para outra. Ele pode estar brincando ali e morrer. É urgente”, diz a avó. Em busca de uma doadora A primeira alternativa foi procurar um doador entre os parentes. A única pessoa da família compatível para doar o fígado era uma tia de João, mas ela descobriu que estava grávida e não pôde fazer a cirurgia. A esperança de encontrar um doador estava quase perdida. Desesperada, a avó do menino foi a uma igreja pedir oração para o neto. Foi lá que Tatiana e João se encontraram pela primeira vez. LEIA MAIS : http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2014/08/mulher-perde-27-quilos-e-doa-parte-de-figado-para-crianca-com-cancer.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário