segunda-feira, 9 de junho de 2014

Itaquaquecetuba e Guarulhos terão mais de 1,2 mil novas moradias populares . Governador Geraldo Alckmin liberou aporte para construção de habitações, que atenderão famílias com renda de até R$ 1,6 mil

Os municípios de Itaquaquecetuba e Guarulhos receberam aporte para a construção de 1.242 novas moradias populares. A medida foi anunciada nesse domingo, 8, pelo governador Geraldo Alckmin, que ainda autorizou a transferência de terrenos para entidades conveniadas para ações habitacionais. "Na habitação, a primeira boa notícia é para o conjunto habitacional Vila São Miguel, em Itaquaquecetuba. Nós já tínhamos liberado R$ 14 mil por unidade e estamos autorizando, hoje, mais R$ 20 mil por unidade. Estamos liberando R$ 1,9 milhão ao todo. São 138 apartamento para terminar o conjunto habitacional, que vai ficar um dos mais bonitos de São Paulo", afirmou o governador. "Estamos liberando, ainda, R$ 10 milhões para a aquisição de terreno em Guarulhos, no empreendimento Santa Genoveva. Serão mais 1.104 unidades habitacionais", completou Alckmin. As moradias dividem-se em 1.104 unidades para o empreendimento Santa Genoveva, no município de Guarulhos, e 138 unidades para famílias de baixa renda no empreendimento Vila São Miguel, no município de Itaquaquecetuba. O investimento do Estado de São Paulo, a fundo perdido, é de R$ 26,7 milhões. O recurso federal é de R$ 92 milhões. Com mais R$ 0,8 milhão de recursos de entidade, o investimento geral chega a R$ 119,5 milhões. LEIA MAIS : http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia2.php?id=237364

Nenhum comentário:

Postar um comentário