segunda-feira, 26 de maio de 2014

XAROPINHO DO ''PGM DO RATINHO '' MOSTRA SUA CARA NA TV E VIRA PASTOR DE IGREJA

RESUMO: Manipulador de Xaropinho, personagem do Programa do Ratinho (SBT), Eduardo Mascarenhas tornou-se pastor evangélico há quatro meses e leva o boneco inspirado no apresentador Carlos Massa aos cultos. Ainda neste ano, Xaropinho deixará de falar palavrão, mas não por causa da igreja. Ratinho e Mascarenhas querem transformá-lo no Mickey Mouse brasileiro O rato Xaropinho, personagem desbocado do Programa do Ratinho, virou pastor. Seu manipulador, Eduardo Mascarenhas, pastor da Igreja Evangélica Missão Vida em Cristo há quatro meses, leva o boneco aos cultos, mas não para orar ou ler a Bíblia, e sim para tirar sarro dos fiéis. A liderança religiosa faz parte da nova rotina do artista, que pretende, aos poucos, deixar o mascote da atração do SBT, por problemas de saúde e para se dedicar à igreja. "Eu não descaracterizo o Xaropinho. Na igreja, ele continua doido, brincalhão, falando abobrinha. Não quero ficar podando meu humor por causa do puritanismo. Quando não estou fazendo humor, sou pastor Eduardo. Não vou deixar de fazer piada, mas sem falar nenhum palavrão cabeludo", diz Mascarenhas, que pede permissão a Ratinho, dono de Xaropinho, para manipular o personagem nos cultos. A ideia de levar Xaropinho à igreja surgiu após Mascarenhas perceber que os frequentadores dos cultos não fazem outra atividade cultural senão ir à igreja: "Quando anuncio o Xaropinho, claro, sempre atrai um ou outro curioso para a igreja, mas levo porque a Igreja é muito séria, sisuda, carrancuda. Pensei nas famílias que não podiam pagar para irem ao cinema, ao teatro". O artista, hoje pastor, faz questão de se manifestar contrário às grandes igrejas, como a Mundial, de Valdemiro Santiago, e a Universal, de Edir Macedo. Para Mascarenhas, essas igrejas são "caça-níqueis" e visam apenas o dinheiro. LEIA MAIS : http://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/televisao/boneco-desbocado-de-ratinho-vira-pastor-e-critica-macedo-e-santiago-3498

Nenhum comentário:

Postar um comentário