sexta-feira, 19 de abril de 2013

GOLPE DO EMPREGO FAZ MAIS DE 100 VÍTIMAS EM GUARAREMA

Homens ofereciam colocação em obra da Petrobras, diz polícia. Eles lesaram alguns comércios na cidade. Em Guararema, a polícia desmontou um esquema de fraude comandado por uma quadrilha. Mais de cem pessoas foram vítimas do golpe do emprego. A polícia prendeu três pessoas na noite de quinta-feira (18) suspeitas de comandar a ação. A investigação do caso começou depois que os suspeitos tentaram usar o balcão de empregos da prefeitura. A funcionária que os atendeu desconfiou dos homens e avisou a polícia. Os dois homens detidos já trabalharam como encarregados de uma das maiores construtoras do País. No entanto, atualmente, de acordo com a polícia, eles fazem parte de uma quadrilha que criou uma empresa de fachada, que estava atuando na cidade há quase dois meses. No contrato apreendido pelos policiais, os acusados usaram o nome de uma empreiteira verdadeira do Rio de Janeiro, mas com o CNPJ de uma indústria do Espírito Santo. Segundo a polícia, os homens se aproveitaram de uma obra que a Petrobras realmente deve fazer no município, onde já existe uma unidade da estatal. Eles diziam que ganharam a licitação e que a construtora iria criar 2 mil empregos na cidade, informou a polícia. Sem saber do golpe, alguns empresários firmaram contrato com os suspeitos, de acordo com a polícia. Um restaurante chegou a fechar um contrato para entregar refeições aos funcionários que seriam contratados. O comerciante já fornecia alimentação para os dois homens e outras pessoas que apareciam com eles. Segundo a polícia, nada foi pago. LEIA MAIS : http://g1.globo.com/sp/mogi-das-cruzes-suzano/noticia/2013/04/golpe-do-emprego-faz-mais-de-cem-vitimas-em-guararema.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário